segunda-feira, 18 de junho de 2012

a tua presença...



és o fechar das minhas noites
e a alvorada das minhas manhãs,
em promessas loucas de amor e desejo.
és vontade e aconchego,
protecção e ternura.
e eu embriago-me nesse mar de tranquilidade,
deixo-me embalar pelo vigor do homem que assim faz de mim menina,
sonhando com o meu lado de mulher.
e seremos nós pelo mapa do amor:
tu, pelas minhas curvas e voltas,
eu, pelo circuito do desejo em que me perderia contigo.
  
Alma